terça-feira

our hearts will beat as one




No meio da noite ele olha para ela e diz-lhe puxando uma madeixa do seu cabelo preto para trás:
-És a mulher dos meus sonhos, não quero que te esqueças disso.
Se por ventura…
Ela levanta a cabeça da almofada e sela-lhe a conversa colocando a mão sobre os lábios dele.
-Não digas o que já sei.
Ele olha para ela confuso, como que incrédulo com aquele acto.
-Como? Como é que sabes?
-São coisas que eu sei.
As linhas de preocupação desaparecem do seu rosto e ele adopta um sorriso brincalhão.
-Não acredito que deste em cartomante agora.
-Se por ventura não acabar-mos juntos eu sei que me continuaras a amar, pois não existirá ninguém que consigas amar assim.
Ele retoma as feições preocupadas e incrédulas que lhe traziam uma ruga única na testa e olha-a fixamente durante minutos.
-Consegues ler-me a mente agora?
-A mente não, consigo ler o meu coração que bate ao som do teu.
Adormecem abraçados, já não existem preocupações entre eles, perceberam finalmente que se tornaram um só.
Não temem mais o amanhã, nunca mais terão medo do desconhecido porque saberão exactamente o que irá acontecer.

2 jogadas:

Rostro disse...

se existir melhor sensação do q sentir o olhar... q me digam

sweetfruit disse...

a imagem ta perfeita n ta?

sinal sonoro


MusicPlaylistView Profile
Create a playlist at MixPod.com

jogadores

passado, presente e talvez futuro

mirones do jogo